CheckMilk e Agrotrace são apresentados pelo Instituto BioSistêmico no El Campo Innova

Atualizado: 6 de jul.

O evento virtual promovido pelo Ministério da Agricultura da Colômbia foi uma grande vitrine de cases de sucesso de Ater na América Latina e Caribe

Dar visibilidade a experiências exitosas em Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater) que contribuam para o desenvolvimento de produtores rurais na América Latina e no Caribe. Esse foi o principal objetivo do II Encontro de Experiências Bem-Sucedidas de Extensão Rural – El Campo Innova, evento virtual e gratuito realizado pelo Ministério da Agricultura da Colômbia entre os dias 30 de junho e 02 de julho.


O Instituto BioSistêmico (IBS) participou do evento a convite do Ministério da Agricultura da Colômbia, levando cases de sucesso desenvolvidos em diferentes projetos por todo o Brasil. São 16 anos de experiência em Ater com execução de mais de 200 projetos em 21 estados do país, atendendo a cerca de 75 mil produtores rurais, sobretudo da agricultura familiar.


Dos cinco pavilhões do evento articulados nos diferentes setores de impacto, o IBS marcou presença em dois com os estandes do CheckMilk (sala B do pavilhão Sustentabilidade e Adaptação) e do Agrotrace (sala A do pavilhão de Habilidades em Extensão).



O Checkmilk é uma plataforma de qualificação e aperfeiçoamento dos produtores de leite concebida pelo Instituto BioSistêmico, que conta com uma metodologia exclusiva aplicada em todos os projetos de pecuária leiteira executados pelo IBS.

De acordo com o diretor do IBS, Luís Henrichsen, o CheckMilk dispõe de um sistema de gestão e aplicativo voltado para as equipes técnicas e para os produtores. “O sistema facilita a gestão dos projetos e o aplicativo auxilia o produtor no dia a dia, como um suporte, uma extensão da consultoria do IBS que pode ser acessada a qualquer hora na palma da mão”, explica Henrichsen.



O Agrotrace também é uma plataforma digital do Instituto BioSistêmico, concebida para apoiar o desenvolvimento da produção e qualificação de produtores, orientando a Ater em diferentes projetos de agricultura executados pelo IBS.


“Os visitantes dos estandes do IBS no El Campo Innova puderam conhecer soluções que promovem a sustentabilidade da produção e contribuem para atender as demandas do mercado, qualificando os produtores para uma produção de alimentos mais seguros e rastreáveis”, destaca a diretora de agricultura do IBS, Priscila Callegari.


Para os diretores do IBS, Luís Henrichsen e Priscila Callegari, participar do II Encontro de Experiências Bem-Sucedidas de Extensão Rural – El Campo Innova foi uma excelente oportunidade para o IBS mostrar sua contribuição na promoção do desenvolvimento sustentável no Brasil, por meio do compartilhamento de conhecimento e ferramentas tecnológicas que capacitam e qualificam o produtor rural.


Os cases do IBS estiveram ao lado de outras experiências bem-sucedidas desenvolvidas na América Latina e Caribe. Atendendo aos objetivos do encontro, os projetos apresentados contribuem para o fortalecimento das capacidades territoriais e a geração, uso e apropriação Durante os três dias de evento, o público fez a visitação virtual por meio do site El Campo Innova O lançamento do encontro foi transmitido ao vivo pelo canal do YouTube do Ministério da Agricultura da Colômbia. O vídeo da abertura do evento pode ser acessado neste link.

4 visualizações0 comentário